Miercolesia #1

16 novembro 2011
Hoje estou soltando fogos de tão contente. Começa hoje uma nova coluna aqui no blog, e gostaria de começar com uma poesia que gosto muito e que hoje – digo hoje mesmo – ela tem um significado todo especial.
"Podei a roseira no momento certo e
Viajei muitos dias aprendendo de vez
Que se deve esperar biblicamente
Pela hora das coisas."
Adélia Prado (Oráculos de Maio)

Acontece que hoje eu salvei uma amizade linda com uma simples conversa, eu realmente – me gabando é claro – acho que tenho um certo dom para conselheira, e hoje fui uma ponte. A poesia reflete isso, que nem tudo acontece exatamente quando queremos temos que esperar a hora certa para cada coisinha, hoje plantamos para amanhã colher assim deve ser, é a ordem natural das ações, da vida. As vezes brigamos, mas em um momento vamos nos entender e tudo será flores. Tenham todos uma boa noite.
P.S.: Dedicado a minhas amigas Larissa Castro e Nayana Brito

2 comentários:

  1. Olá Raquel!
    Que poesia linda, tudo verdade! Sem contar que é da Adélia Prado *-*
    É a primeira vez que visito o seu blog, ficaríamos super felizes com a sua visita
    o nosso blog também, te convido para conhecê-lo ^^

    Beijos!
    Elidiane - Leitura entre amigas
    leituraentreamigas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Obrigada; farei sim uma visita. Volte sempre.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar e volte sempre !