Madison Kincaid e o Mistério das Desaparecidas

28 fevereiro 2013
Kincaid e o Mistério das Desaparecidas, de Phillip Margolin e Ami Margolin Rome
Prumo, 160 páginas (Parceria)
É madrugada quando o telefone toca, anunciando um novo caso para Hamilson Kincaid: alguém foi acusado de assassinar uma ex-professora de Madison. No entanto, nenhum corpo foi encontrado, o que faz aumentar o mistério. Determinada, Madison resolve ajudar o pai a solucionar o caso para que ele possa, então, ter mais tempo para ela. No dia seguinte, o primeiro em uma nova escola, onde irá cursar a sétima série, Madison percebe que não há apenas um, mas dois mistérios a ser desvendados: sua melhor amiga, Ann, está desaparecida. 
Tinha me esquecido o quanto um livro de investigação é bom, e Madison Kincaid com menos de duzentas páginas me lembrou isso!
Madison é uma garota apaixonada por futebol, ela está indo para a sétima série e só o que quer é entrar para o time da nova escola, a Grove. Mas futebol não será o seu único problema neste novo ano! Madison tem uma melhor amiga, Ann, está que também é apaixonada por futebol e fez um tipo de pacto com ela de que sempre jogariam juntas e venceriam muitos campeonatos e ganhariam muitos troféus, e a pergunta é: Cadê Ann? Desaparecida desde o primeiro dia de aula a amiga de Madison a deixa cheia de paranoicas ideias de onde a amiga foi parar, isso porque além de uma aluna normal e jogadora de futebol, Madison também é filha de um grande advogado criminalista, Hamilton, que está com um caso difícil de vencer no tribunal.
Sangue, roupas fora do lugar, uma faca e um corpo desaparecido. Teria mesmo o Sr. Shelby matado a esposa e dado um sumiço no corpo?!
Esses são os dois casos que nos apresentam neste pequeno livro. Vemos Madison enlouquecidamente atrás da amiga que não atende o celular e sumiu das redes sociais, e nessa agonia ainda está tentando provar para a treinadora que ela é tão capaz quanto Marci, a garota da oitava série que insisti em implicar com ela. Sem falar de Jake, posso falar de Jake e não dar um suspiro pelo garoto mais fofo? Ele a ajuda e a motiva, sempre dando lhe forças e desvendando os casos junto com ela.
Me senti voltar ao ensino fundamental, os autores souberam aproveitar bastante o ambiente escolar e a parte investigativa foi muito bem construída. Todo o mistério de onde Ann e a Sra. Shelby estavam só me enchiam de mais curiosidade para prosseguir com a leitura
A personagem principal foi muito bem colocada, ela não queria apenas saber onde a amiga estava, Madison queria a atenção que seu pai ocupado não lhe fornecia, queria mostrar que ela era capaz não só de jogar futebol. E ela mostra que tem tanta esperteza e força de vontade para a idade que me senti motivada, até agora sinto uma adrenalina diferenta circular por meu corpo.
Jake era um garoto curioso que não só divertiu a leitura com seus desenhos criativos, como também se mostrou um grande amigo. Outro ponto que o livro abordou, a importância das amizades quando temos essa idade.
A narrativa te puxa pela mão, te leva a cena do crime e a cada passo dado pelos personagens de uma forma descontraída, os diálogos enriqueceram ainda mais a narrativa e por vezes também queria conversar com Madison. 
Encontrei alguns errinhos uns três para ser mais exata, mas nada muito grave. A tradução ficou ótima, a capa é linda e toda a história é contagiante e não precisa ter preguiça que ele é pequeno (risos) e ainda assim não teve nenhuma ponta solta na história, minha dúvida foi para outro lado: Vai ter continuação? (espero que sim)
O que me entristece é ver que não tem muitas pessoas interessadas pelo livro no skoob, gente vale a pena, adicione o livro a estante viu! Este é um infato-juvenil fofo e investigativo, uma mistura que deu certo e com um final surpreendente! Recomendo sim (:

9 comentários:

  1. Adorei a resenha, realmente incrível, mesmo com alguns errinhos que você mencionou, parece ser ótima! Uma narrativa que encanta, estou ansiosa não somente para ler este, mas pela continuação caso haja uma! hahaha

    ResponderExcluir
  2. Já conhecia o livro e não tinha interesse em lê-lo, mas sua resenha mudou minha visão sobre a história. Vou adiciona-lo a minha lista no skoob ^^

    ResponderExcluir
  3. Nossa, nunca tinha visto esse livro. Ele me parece ser levado mais pro lado jovem, e eu gosto de livro de mistério pra pensar. Mas não parece ser ruim não!

    ResponderExcluir
  4. Adoro livros investigativos e também livros infanto-juvenis, então acho que acabaria gostando bastante de Madinson Kincaid e o Mistério das Desaparecidas. Parece ser muito bom!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Não lembro de ter visto esse livro antes, e não sei como deixei escapar de vista! Adoro livros assim e esse pareceu bem bom pra mim. Legal mesmo.

    ResponderExcluir
  6. Adicionei o livro na estante. Espero que uma alma caridosa me ofereça de presente, né Raquel? kkkkkkkkkkkkkkkk'
    Adorei sua resenha, amiga! Ficou muito legal! :D Madison é um nome estranho. rsrsrrrs'
    Beijo

    ResponderExcluir
  7. Achei o livro bem interessante.
    Não leio mtos livros de investigação policial, mas esse parece ser bem legal, com dois mistérios a se resolver. Além disso, parece que passa uma mensagem legal de amizade e de relação com os pais.
    Não gostei tanto assim da capa...

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia o livro, porém o achei super interessante. Espero ter a oportunidade de lê-lo

    ResponderExcluir
  9. Gostei da resenha Raquel. Esse gênero policial/investigativo me chama bastante a atenção. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar e volte sempre !