Convertendo um Leitor

10 abril 2013

Recentemente vi essa expressão em um livro e fiquei me perguntando se eu era uma leitora convertida ou se havia convertido alguém.
            "- Espere aí, quer dizer que você na verdade não gostou daqueles livros que recomendei. – O orgulho de Lola estava ferido. – Você estava só fingindo.              Nick sorriu e balançou a cabeça: - Eu adorei os livros. Eu os li porque você me recomendou. Não se preocupe, eu estou definitivamente convertido." (Um Proposta Irrecusável)
Não fui uma leitora assídua desde a infância, e sim na adolescência. Lia alguns livros, os obrigatórios da escola, e outros que chamavam minha atenção, mas não era mais de cinco ao ano.
Apesar de frequentar a feira de livros desde cedo não me lembro de me interessar tanto pelos livros, mas pela organização da feira que sempre reunia muitas pessoas e estava sempre muito bonita. Quem mais comprava livros era minha mãe, livros de animais ou insetos que falam para os aluninhos dela.
Comecei a ler mais com os meus quinze anos, tinha uma amiga que lia muito e fiz minha carteirinha na nova biblioteca e comecei a ler os livros de lá. Quando vi estava lá toda semana.
Me tornei um piolho de biblioteca e junto a mim outras amigas também iam. No segundo ano converti uma amiga, que a cada livro que lia vinha me contar cheia de entusiasmo o que era muito bom porque nem sempre pegávamos o mesmo livro para ler. Recentemente outra, mas ela tem mais interesse pelos livros de adaptações como Jogos Vorazes e Cinquenta Tons de Cinza que estavam fazendo sucesso, e ainda estão.
É muito bacana ver um amigo que não lia com frequência me pedindo para indicar algum livro. Só não gosto quando querem os meus, mas isso é assunto para outra hora (risos).
E vocês, foram convertidos ou converteram alguém? Me conte abaixo.

18 comentários:

  1. Eu também comecei a ler mais na adolescência, principalmente depois de Meg Cabot e seu Diário da Princesa. Mas nem comentava com ninguém, eu sempre guardava pra eu mesma, mas de uns tempos pra cá eu venho sentindo essa necessidade de compartilhar, dai as amigas foram envolvidas, tem uma que AMA a minha coleção da Paula Pimenta, ela vinha sempre me contar sobre os personagens e tudo mais, é muito satisfatório.

    Beijão
    Michelle Boyd
    Little Things

    ResponderExcluir
  2. É horrivel dizer que eu não converti ninguém, as pessoas com quem ando tem muita preguiça de ler. =(
    Quem me converteu foi a tia Jo.

    ResponderExcluir
  3. Eu comecei a ler na infância, por volta de oito anos, eu já li alguns livros, mas não sei bem se fui convertida. Faz tanto tempo. Mas tenho certeza de que já converti muita gente, alguns dos meus amigos pegaram o hábito de ler comigo, mas infelizmente ainda tem muitos dos meus amigos que morrem de preguiça de ler.
    Beijos,
    Yasmin
    deitadosnagrama.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Eu admito AMO indicar livros, assim tenho companhia para conversar sobre eles RSRSR
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. É tão bom converter um mundano ao planeta literário! rsrsrsrsrs.
    Ótimo texto. Como você não comecei a ler assiduamente desde pequeno, comecei com meus 12/13 anos.
    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Eu fui convertida pela minha irmã. Assim que aprendi a ler, ela começou a me emprestar livros e não consegui mais parar. Eu já converti varias pessoas. Mas o ruim é que nem você falou, a gente fala bem do livro dai querem o nosso emprestado hehehehe.

    http://blogprefacio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu mesma queria ler as história que minha mãe lia pra mim quando eu era criança, então aprendi a ler super rápido! Devorava todos os livros que encontrava. Sou assim até hoje :D
    E já converti vários amigos e amigas para o mundo da leitura ;)
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa


    ResponderExcluir
  8. No meu caso não foi uma conversão, eu nasci amando ler, é a única forma que encontro pra me explicar. Foi genético no meu caso, todas as mulheres por parte da família da minha mãe ama ler, e por parte da mina família paterna também, poucos são os que não gostam, então eu vim com esse gosto maravilhoso para leitura.
    Mas creio que já converti muita gente, desde o ensino fundamental eu azucrinava minhas amigas a lerem, e falava dos livros e contava as histórias que tinha lido...enfim, até começar o meu blog literário.
    Adorei o post, muito bacana.
    Beijão
    Viviane

    http://vivianeblood.blogspot.com.br/2013/04/se-ligue-lancamentos-da-editora-novo.html#more

    ResponderExcluir
  9. Eu sempre gostei de ler, mas nunca fui daquelas pessoas que lia, sei lá, mais de 10 livros no ano, sabe? Tinha duas amigas que tinham praticamente bibliotecas em casa e emprestavam seus livros. Mas assim, essa vontade mesmo de ler vários livros, seguidamente, só veio ano passado, depois que eu terminei a faculdade (pq principalmente no ultimo ano dela eu só vivi pra monografia) e foi mais ou menos nessa época que comecei a acompanhar blog literários =)

    beijos
    Kel
    porumaboaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Acho que sempre fui leitora solitária, lia livros da biblioteca da escola toda semana, e revista de quadrinhos da Turma da Mônica todo dia que minha amiga me emprestava.
    Foi um hábito que criei praticamente sozinha, pois meus pais não são do tipo que leem, lembro de fazer as tarefas de casa correndo para poder ler logo os livros e quadrinhos *--*
    E foi uma coisa que sempre me acompanhou, em alguns anos mais presentes, em outros menos...
    ^^


    Post it and Scrapbook
    @wynnis

    ResponderExcluir
  11. Oi, humm...não sei se converti alguém...sabe que eu não recordo?
    Agora vc me fez refletir...
    Beijos
    http://marlicarmenescritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Eu admito! sou uma leitora convertida! Eu não gostava de ler, até que uma amiga me deu o o primeiro livro de Harry Potter! E depois dai... bom, vamos dizer que eu me tornei compulsiva!!
    Mas hoje eu acredito que não existe alguem que não goste de ler, só quem ainda não encontrou o livro certo, que desperte o seu interesse!!
    se eu já converti alguem? SIIIM! posso dizer isso com orgulho!! *-*

    ResponderExcluir
  13. Oi Raquel!
    Ninguém me converteu, mas o meu interesse pelos livro cmeçou na minha adolescencia, lembro até hoje o primerio livro que li, foi " O código Da Vinci" ele me "colocou" no mundo da leitura, na escola tinha uma amiga que gostava de Harry Potter e me presenteou com o primeiro livro, assim me tornei um fã da série, acompanhei todos os filmes. Bons tempos!
    Agora quanse não tenho muito com quem coversar sobre livro, devido a esse motivo criei o blog pra compartilhar com as pessoas e saber a opinião delas!
    Adorei o texto!! Também não gosto quando querem ler os meus livros hahaha..

    Beijos,
    lovesbooksandcupcakes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Adorei o post hahaha
    Na verdade eu nunca fui muito de ler, assim como você eu só lia os obrigatórios da escola e olhe lá! Esse ano na verdade - tenho 18 anos - que comecei realmente a criar esse gostinho por leitura :D
    Ah, eu também não gosto de emprestar meus livros, eles são tão liindos, limpinhos, bonitinhos e tem gente que pega e nem cuida kkkkk

    ResponderExcluir
  15. Então acho que já converti algumas pessoas kkkkkk
    Somos pastoras de livros!

    ResponderExcluir
  16. Também me tornei leitor bem tarde. Só quando entrei na Faculdade. Claro que lia os livros obrigatórios das disciplinas no Colégio, mas como eram obrigatórios, não considero que era leitor na época. Tirando os livros técnicos da minha área de formação, e falando de ficção, fui convertido por uma amiga de curso da Facul. E o bom é que ela começou me emprestando os livros dela, e ela acertava em cheio no meu gosto. Hoje em dia, fazemos intercâmbio de livros. E consegui converter uma prima minha. E tentarei converter mais e mais.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  17. Converti a algumas amigas para algumas series, e eu acho que não fui convertida por ninguém. Desde q aprendi a ler com 6 anos, passei a sempre ir na biblioteca da minha escola. Amo demais ler e pode dar influência do meu tio q sempre vi lendo gibi e me emprestava pra ler, quando eu não sabia ler ficava inventando a história vendo o desenho dos quadrinho.

    ResponderExcluir
  18. Já converti muitas amigas minhas, adoro este papel. Fui convertida quando tinha 11 anos e me sinto no dever de converter outras pessoas agora!

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar e volte sempre !